::: SIMULADO DA OBA :::


Logo do aplicativo Simulado OBA

 

OBA é a sigla para Olimpíada Brasileira de Astronomia, evento oficial da SAB - Sociedade Astronômica Brasileira, que mobiliza estudantes do ensino fundamental e médio em torno de temas ligados à Astronomia desde 1998.

A partir de 2005, numa parceria com a AEB - Agência Espacial Brasileira, a OBA passou a ser Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, ampliando o conteúdo abordado na prova.  Entre 2008 e 2013, com a entrada de Furnas na parceria, a prova passou a contemplar também questões ligadas ao consumo e geração* de energia elétrica. Em 2014 volta a ter apenas questões de Astronomia e Astronáutica.

A grande novidade de 2014 é o aplicativo Simulado OBA, disponível para iPad e iPhone que rodam o iOS da Apple e também smartphones e tablets que rodam Android. O aplicativo faz perguntas, baseadas em provas anteriores da OBA. E aponta o número total de acertos e dá dicas sobre as respostas erradas. Simples, mas bem bacana e eficiente para despertar o interesse pelo estudo da Astronomia. 

Ficou interessado? Veja os links para download logo abaixo.

Quando for baixar o aplicativo, fique atento a dois detalhes:

I) Há quatro níveis de prova e, portanto, quatro níveis de simulados. Os três níveis iniciais equivalem ao ensino fundamental e o nível 4 corresponde ao ensino médio. 

II) Há duas versões: uma gratuita (restrita e com propagandas) e outra paga (sem propagangas e com mais recursos).  

 

:: O site oficial da OBA 

O site www.oba.org.br merece uma visita! Além das provas dos anos anteriores, resolvidas e comentadas, você vai encontrar vasto material didático e dicas de Astronomia, como por exemplo:

E tem muito mais. Entre lá e descubra. 

 

:: Vaquinha para comprar um planetário digital 

Os organizadores da OBA, liderados pelo prof. João Batista Canalle (UERJ), que sempre promovem eventos de capacitação de professores e alunos por todo o Brasil, abriram campanha para arregcadar R$ 50.000 reais para a compra de um planetário móvel digital. O planetário, nos eventos de capacitação, será uma ferramenta muitíssimo importante!  

Participe da vaquinha aqui. Quando eu estava escrevendo esse post, eles já tinham conseguido 95% do dinheiro necessário. Sensacional!  


* Sendo mais rigoroso, o termo geração, quando se trata de energia, não é fisicamente correto. No caso das unsinas responsáveis pela energia elétrica que utilizamos, elas não geram energia elétrica mas apenas transformamos energia não elétrica em energia elétrica.


Mais da OBA


Fanpage do Física na Veia! no Facebook:

www.facebook.com/FisicaNaVeia

 

Para CURTIR e ficar ligado no blog!

Basta um clique para receber automaticamente todos os posts do blog e novidades diárias de Física e Astronomia! 





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 20h38





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
 



Dulcidio Braz Jr
Físico/Professor, 49 anos

São João da Boa Vista
São Paulo/Brasil
  visitante(s) on line agora
Física na Veia!, um Blog Legal do UOL!
Clique e assine

Busca aqui no Física na Veia!
 
 

Clique para conhecer meu livro de Física Moderna
Sobre Física, você diria que:
Adora
Gosta, mas tem muita dificuldade em aprender
Não gosta, mas reconhece que é importante
Não gosta e acha bobagem
Odeia
Votar Ver resultado parcial





  ESPECIAIS TEMÁTICOS








Clique aqui e dê sua nota para o Física na Veia

Clique aqui e indique o Física na Veia para os amigos!





Add to Technorati Favorites