::: TUDO DE BONN EM DETALHES - PRIMEIRO DIA :::

fonte: www.a-t-s.net

Bonn, Alemanha, com alguns pontos de interesse numerados (clique!)

Conforme prometido no post anterior, neste (e em outros posts) darei mais detalhes da minha ida até Bonn, Alemanha, para receber o prêmio de Melhor Weblog em Português no The BOBs - The Best of Blogs da Deutsche Welle dentro do Global Media Forum

Ao longo do texto vou usar as marcações das regiões de 1 a 5 da foto acima para localizar onde estávamos. 

 

:: 20/junho - desembarcamos na Alemanha

arquivo pessoal

Frankfurt debaixo de nuvens

Chegamos (Daniela, minha esposa, Bruno Rezende Coluna Zero - prêmio Climate Change, Vitor Knijnik - Blogs do Além - prêmio Blogwurst, e eu) no aeroporto de Frankfurt por volta das 15h (horário local). Tempo nublado. Perspectiva de muito frio. Estávamos quebrados! 12h de voo na classe econômica não é para qualquer sardinha! Mas estávamos muito felizes! E pegamos o trem para Bonn. Por um lapso, compramos passagens "erradas" e, em vez do ICE (trem bala), fomos de trem "comum" e com uma conexão no meio do caminho. No final das contas, o errado acabou ficando mais do que certo: a viagem mais lenta, margeando o rio Reno, foi simplesmente linda! A paisagem e a arquitetura típica alemã, com direito a castelos pendurados nos montes vulcânicos na beira do rio, valeram a pena (região 5 na foto acima)!

arquivo pessoal

Paisagem típica alemã na janela do trem viajando às margens do Reno

Descemos em Bonn HBF - Estação Central - e fomos rapidamente de taxi para o nosso hotel em Poppelsdorf. Foi o tempo certo de fazer checkin, subir pro quarto, abrir as malas, tomar um banho rápido e sair correndo para procurar um lugar para comer e ver o jogo Brasil X Costa do Marfim narrado em alemão.   

arquivo pessoal

Hino nacional na TV na parte externa do Rondo Bar, em Poppelsdorf

Vitor e Bruno, vestidos de seleção brasileira, já estavam no clima Copa do Mundo. Estava bem frio. Eu, afônico, recuperando-me de uma gripe chata, ainda não pude tomar a minha primeira cerveja alemã. Mas era por uma boa causa. Eu precisava da voz para a premiação dois dias adiante.

arquivo pessoal

Vitor e Bruno vestidos de verde-amarelo, registrando tudo

Mesmo com os alemães da mesa ao lado (veja na foto acima) nos secando e tirando sarro a cada boa jogada do adversário, o Brasil venceu com certa folga a Costa do Marfim. No final da partida os alemães foram simpáticos e aplaudiram a nossa vitória. Nós, naquele momento, acreditávamos que o time do Brasil iria crescer durante a Copa...
Conosco já estava Agnès Mailard, do Le Monolecte, Melhor Weblog em Francês, que encontramos hospedada no nosso hotel.


arquivo pessoal

Dani e Agnès no Rondo Bar durante o jogo Brasil X Costa do Marfim

Depois do jogo, voltamos para o hotel para falar com a família no Brasil e tentar dormir contrariando o nosso relógio biológico. Na segunda-feira logo cedo tínhamos compromissos com a Deutsche Welle. 
 

:: 21/junho - Primeiro dia pra valer

9h em ponto e Carlos Albuquerque, brasileiro, redator na Deutsche Welle que ficou responsável por nos guiar em Bonn, nosso "anjo da guarda" mesmo antes da viagem e que à distância nos ajudou nos preparativos, nos encontrou sorridente e bem disposto no saguão do My Poppelsdorf Hotel.  

fonte: www.flickr.com/photos/queridoleitor

Carlos Albuquerque, nosso fiel "anjo da guarda"

Carlos nos ensinou a pegar ônibus e fazer conexão com trem para chegarmos no World Conference Center (região 1 na foto do topo do post), antigo parlamento alemão, onde aconteceria o Global Media Forum durante os dias 21, 22 e 23 de junho com premiação do The BOBs ao final do segundo dia.

arquivo pessoal

Clássica foto na frente do WCC/Bonn, local do Global Media Forum

O prédio é simplesmente deslumbrante! Repare bem no detalhe da águia gigante e imponente na parede de fundo do palco central. 

arquivo pessoal

Palco no plenário do WCC

Com a credencial eu tinha acesso a qualquer área do Global Media Forum e passe livre em ônibus e trem/metrô dentro de Bonn nos três dias do evento. Organização alemã impecável!

arquivo pessoal

Credencial 


Depois de cumprirmos alguns compromissos burocráticos, fomos conhecer a sede da Deutsche Welle logo ao lado do World Conference Center (região 1), sempre guiados pelo Carlos. 

fonte: bbr.bund.de

Sede da Deutsche Welle em Bonn

arquivo pessoal

Eu na seda de Deutsche Welle

Voltamos ao Global Media Forum para almoçar. O buffet era divino. E depois do almoço o Carlos tinha o compromisso de entrevistar a nós três brasileiros premiados no The BOBs para o site da Deutsche Welle. Mas antes que você pense que fomos para uma monótona salinha fechada, nosso "anjo da guarda" teve uma brilhante ideia e sugeriu: que tal fazermos as entrevistas andando pelo centro de Bonn? Topamos, claro! E lá fomos nós (regiões 2, 3 e 4)!

arquivo pessoal

Toda a turma na frente da Catedral de Bonn

arquivo pessoal

Igreja Catedral de Bonn (região 2)

Andamos muito pelo centro da cidade! E conhecemos a belíssima Universidade de Bonn (região 3), uma das muitas escolas de nível superior em Bonn.

arquivo pessoal


Agnés e Dani no páteo da Universidade de Bonn

Vitor e Bruno fizeram as suas entrevistas no parque ao lado da Universidade. A minha entrevista (confira aqui), foi feita na frente da casa onde nasceu Ludwig van Beethoven (região 4). Logo eu que adoro música! Coincidência!

arquivo pessoal

Diante da casa de Beethoven onde dei entrevista para o Carlos

Ao final da tarde, por volta das 18h, depois de andarmos bastante pelo centro da cidade, tomamos o metrô e voltamos ao World Conference Center.

fonte: Global Media Forum
Foi então que encontrei o Marcelo Leite (foto), jornalista da Folha de São Paulo, responsável pelo Ciência em Dia, blog vizinho ao meu na Estação UOL Ciência e Saúde (confira aqui). 

Apesar de estarmos bem perto no mundo real (vivemos a pouco mais de 200 km um do outro) e muito próximos no mundo virtual (onde estamos a poucos pixels), só fui conhecê-lo pessoalmente na Alemanha, a mais de 10000 km do Brasil!







Mas nem tivemos muito tempo para conversar. Já estávamos de saída para o Boat Trip, um mini cruzeiro à bordo do Rhein Energy, barco que nos levou a passear pelo Reno.

arquivo pessoal

Embarcamos no Rhein Energy para o Boat Trip

Programa inesquecível, com música ao vivo! Chegamos no barco e tocava Tom Jobim. Deu até orgulho de ser brasileiro!

arquivo pessoal

Banda de Jazz tocando ao vivo no barco

Havia gente de todo o canto do planeta, garantindo bom papo. E a paisagem à beira do Reno, a mesma que vimos do trem, agora de outro ponto de vista, se revelava ainda mais linda!  

arquivo pessoal

Gente de todos os cantos do mundo no convés admirando a paisagem

Repare nos castelos nos montes que margeiam o Reno!

arquivo pessoal


Castelo de Drachenburg, no alto, à esquerda

arquivo pessoal

Castelo de Drachenburg (1884) e ao alto ruínas de um castelo medieval

Muita mordomia à bordo do Rhein Energy. Comida e bebida à vontade. Advinha se eu não tomei a minha primeira bier tipicamente alemã?

arquivo pessoal

Comida e bebida à vontade

Já com o dia escurecendo (em Bonn, nesta época de verão o sol se põe por volta das 22h), o barco virou e começamos a voltar.

arquivo pessoal


Já ia escurecendo o dia quando o barco girou 180 graus e voltou

E a festa terminou com outra banda, agora tocando música dançante. O barco literalmente balançou! Deu para sentir o MHS(*) provocado pela galera animadíssima na pista!

arquivo pessoal


Música dançante finalizando o Boat Trip

Atracamos. E era apenas o final do primeiro dia!

Quer saber mais? Impossível descrever todos os detalhes num único post. Aguarde o próximo... Alegre


(*) MHS - Movimento Harmônico Simples - Movimento oscilátório em que a aecleração é porporcional à posição do corpo 'a menos do sinal'. É o movimento típico oscilatório de corpos que flutuam sob ação das forças peso e empuxo (desprezando-se atritos) mas têm a sua posição de equilíbrio perturbada.
Já publicado aqui no Física na Veia





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 18h45





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
 



Dulcidio Braz Jr
Físico/Professor, 49 anos

São João da Boa Vista
São Paulo/Brasil
  visitante(s) on line agora
Física na Veia!, um Blog Legal do UOL!
Clique e assine

Busca aqui no Física na Veia!
 
 

Clique para conhecer meu livro de Física Moderna
Sobre Física, você diria que:
Adora
Gosta, mas tem muita dificuldade em aprender
Não gosta, mas reconhece que é importante
Não gosta e acha bobagem
Odeia
Votar Ver resultado parcial





  ESPECIAIS TEMÁTICOS








Clique aqui e dê sua nota para o Física na Veia

Clique aqui e indique o Física na Veia para os amigos!





Add to Technorati Favorites