::: FECHADO PARA BALANÇO :::

A partir de hoje, 2 de janeiro, este blog estará fechado para balanço. Para balanço na rede. É assim que pretendo estar nos próximos dez (ou mais) dias. Balançando na rede, na beira do mar... Férias... finalmente!

Até breve! Riso

 





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 00h02





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  ::: 2009: ANO INTERNACIONAL DA ASTRONOMIA :::


Galileu Galilei

Não foi o italiano Galileu Galilei (1564-1642) quem inventou a luneta (veja na foto ao lado duas lunetas fabricadas por Galileu e que estão atualmente guardadas no Museu de História da Ciência em Florença, na Itália). O pai da "criança" foi o alemão Hans Lippershey (1570-1619), em 1608, quando morava na Holanda. Mas podemos dizer que, ao apontá-la para o céu, Galileu reinventou o instrumento(1) óptico. Aquele que foi pensando para ser usado na horizontal, para ver coisas distantes aqui mesmo na superfície da Terra, quando ligeiramente inclinado para cima, apontado para os astros, provocou uma verdadeira revolução. Nada menos do que a Astronomia Observacional com Instrumentos estava nascendo ali, pelas mãos do mestre italiano que está na base firme da Física Clássica(2).

O pequeno gesto de apontar a luneta para cima em 1609 e que agora em 2009 completa 400 anos mudou toda a nossa maneira de ver e entender o Universo. Não é por acaso que 2009 é o Ano Internacional da Astronomia.

Prepare-se! Fique ligado! Muitas ações serão feitas pelos diversos "nós" de uma intrincada rede mundial formada por cientistas e por amadores que, de alguma forma, se dedicam à Astronomia. Aqui no Brasil não será diferente. Palestras, cursos, eventos de observação coletiva, dentre outros, distribuídos ao longo dos 365 dias deste ano novo que acaba de nascer e promete ser inesquecível. E o Física na Veia! também está nessa! Falaremos muito sobre Astronomia e, obviamente, sobre Galileu Galilei, ao longo de 2009.


(1) Galileu construiu a sua própria luneta. Mas a receita veio de Lippershey. Galileu tratou logo de fazer uma luneta já de caso pensado: olhar o céu "mais de perto".
(2) Física Clássica é a todo o conhecimento da Física que começa com Galileu e com Newton e vai até o final do século XIX. Do século XX em diante temos a Física Moderna.

Para saber mais

  • Site Oficial do Ano Internacional da Astronomia no Brasil (o mesmo link do banner permanente no menu da direita do blog).
  • Galileo Portal - Área especial no site do Museu de História da Ciência de Florença.

O pequeno gesto de Galileu ao apontar a luneta pro céu provocou uma grande revolução. Que 2009 seja assim, repleto de pequenos gestos revolucionários. Afinal, pequenas ações, jamais desprezíveis, também podem desencadear grandes mudanças!

FELIZ 2009!


Já publicado aqui no Física na Veia!





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 12h01





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  ::: UM SEGUNDINHO A MAIS, POR FAVOR :::

"Um segundinho a mais, por favor". Até parece papo de atendente de telemarketing. Mas não é. É que 2008 terá exatamente um segundo a mais. Ou, se preferir, 2009 vai tardar um segundo a mais para chegar.

Achou estranho? Mas é fato! É físico! Isso acontece porque a rotação da Terra não é tão constante quanto parece. Não conseguimos perceber mas, na prática, nosso planeta está desacelerando a sua rotação por causa da interação gravitacional com outros astros do Sistema Solar, principalmente a Lua e o Sol. Isso faz o dia medido pela rotação da Terra ficar diferente do dia medido por relógios atômicos de altíssima precisão. O Observatório de Paris tem a nobre tarefa de medir esta diferença e, toda vez que ela passa de 1s, o ajuste é proposto. Très chic esse negócio de tomar conta do relógio do mundo, não?

Graças a um acordo internacional assinado em 1972, até hoje já foram feitos 23 ajustes de 1s no relógio padrão que estabelece o UTC - Coordinated Universal Time (ou Tempo Coordenado Universal). O último "tapinha no relógio" foi na passagem de 2005 para 2006 (veja post logo abaixo).  

Se você, assim como eu, não aguenta mais 2008, paciiência! Teremos que aturar 1s a mais de ano velho! Por isso, quando for fazer a contagem regressiva para o Ano Novo, não se esqueça deste detalhe, tá? Espere 1s a mais só para ter certeza de que 2008 acabou mesmo! Aí pode comemorar! Pra valer! E com toda a certeza de que 2008 já era!

FELIZ 2009! 


Para saber mais


Já publicado aqui no Física na Veia!

 

 





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 18h49





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  ::: ASTROS FAZENDO POSE PARA A FOTO DE REVEILLON :::

 
Simulação para o dia 31/12/2008

Amanhã, bem na virada do ano, Lua (L) e Vênus (V) estarão em conjunção(1) . E "ali por perto"(2) também poderemos ver Júpiter (J) e Mercúrio (M) fazendo pose pra foto de Reveillon (confira a cena que poderá ser vista na simulação acima).

Hoje, dia 30, já podemos começar as observações. É só ficar atento ao lado oeste, justamente onde o Sol se põe, logo ao anoitecer. Assim que o céu começar a ficar escuro já será possível distinguir os astros que na véspera da passagem de ano estarão posicionados aparentemente muito próximos no céu, como mostra a simulação abaixo.

 
Simulação para hoje, 30/12/2008

Se não estiver nublado, vou tentar fazer fotos. Se conseguir, publico aqui no blog. Aqui em São João da Boa Vista, justamente quando estou finalizando este post, começam as primeiras gotas da chuva que ameaça ser bem pesada! Céu ruim para observação astronômica. Mas pode dar arco-íris (E deu! Confira aqui! Veja também outros posts com fotos de arco-íris já capturados por aqui!) 

E é claro que místicos vão dizer que esta conjunção tem "significados" importantes na virada do ano... E tomara que tenha mesmo! Tomara que 'por causa dela' 2009 SEJA MUITO MELHOR DO QUE 2008! Para você, para mim, para todos nós!!! Estamos merecendo dias melhores, não? E não é de hoje! Riso


(1) Conjunção é um alinhamento de astros com a Terra de forma que, vistos daqui, parecem estar bem próximos no céu.
(2) Perto é um termo que denota apenas o que vemos, ou seja, uma situação aparente. Teremos a impressão de que Lua e Vênus estarão bem próximos no céu. Mas é uma ilusão. A Lua, nosso satélite, está muito mais perto da Terra do que Vênus.

Para refletir


Já publicado aqui no Física na Veia!





Um forte abraço. E Física na Veia!
prof. Dulcidio Braz Júnior (@Dulcidio)
às 17h46





::
:: Clique e recomende este post para um amigo
::


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
 



Dulcidio Braz Jr
Físico/Professor, 49 anos

São João da Boa Vista
São Paulo/Brasil
  visitante(s) on line agora
Física na Veia!, um Blog Legal do UOL!
Clique e assine

Busca aqui no Física na Veia!
 
 

Clique para conhecer meu livro de Física Moderna
Sobre Física, você diria que:
Adora
Gosta, mas tem muita dificuldade em aprender
Não gosta, mas reconhece que é importante
Não gosta e acha bobagem
Odeia
Votar Ver resultado parcial





  ESPECIAIS TEMÁTICOS








Clique aqui e dê sua nota para o Física na Veia

Clique aqui e indique o Física na Veia para os amigos!





Add to Technorati Favorites